Breve Glossário das Cryptomoedas – Parte 1

Blocos:

cada transação que ocorre na rede Bitcoin, é gravada em um arquivo de 1 MB chamado bloco. Um bloco contém algumas das transações mais recentes que ocorreram na rede Bitcoin. Um bloco pode ser considerado como um livro-razão.

Blockchain:

sabemos que um bloco é um livro-razão das transações mais recentes que ocorreram na rede Bitcoin e sabemos que cada bloco é limitado a 1MB de tamanho … mas isso significa que todo o histórico de transações do Bitcoin não se encaixará em um bloco único.

É aí que o Blockchain se concretiza; porque todo o histórico de transações do Bitcoin não pode caber em um único bloco. Em vez disso, os blocos se acumulam um sobre o outro, empilhando novos blocos (novas informações sobre o histórico de transações da rede) em cima de blocos antigos (o registro anterior do histórico de transações da rede Bitcoin), para criar o Blockchain, o registro de cada transação que já ocorreu na rede Bitcoin.

Nós:

qualquer computador conectado à Rede Bitcoin é considerado um nó. Todo nó mantém uma cópia do Blockchain e verifica se a sequência de cadeia é válida ou não. Se um nó descobrir que um bloco não está em consenso com a maioria dos nós na rede, ele irá rejeitará esse bloco.

Mineração:

mineradores são os indivíduos que mantêm a rede bitcoin à tona. Os seus deveres incluem a mineração: verificar transações (adicionar novos blocos ao Blockchain) e liberar novos Bitcoin para circulação (quando eles recebem sua recompensa pela descoberta de blocos).

Mineiros de Bitcoin executam protocolos através de computadores poderosos que tentam resolver os algoritmos complexos que verificam os blocos e liberam o novo Bitcoin para circulação. Quando um mineiro descobre um novo bloco, ele é recompensado com Bitcoin recém-cunhado na primeira transação no bloco a seguir. Atualmente, a recompensa por descobrir um bloco é 12.5 Bitcoin. Além disso, se um mineiro descobrir um bloco, lhes são pagos o somatório das taxas de transação no bloco que eles descobrem.

Moedas alternativas (altcoins):

Altcoins são criptomoedas que são negociadas nas casas de câmbio. O Bitcoin é geralmente o prato principal, e o Ethereum muitas vezes é a entrada, mas existem outras criptomoedas.

Oferta inicial de moedas (ICO):

semelhante a uma IPO, uma ICO permite que empresas obtenham capital. Em uma ICO, as empresas vendem tokens virtuais para apoiadores que podem ser trocados e negociados por outras moedas ou usados para comprar produtos ou serviços desse negócio em uma data posterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *