Bilionários do Bitcoin

A natureza anônima ainda que transparente do Bitcoin faz algumas leituras interessantes ao percorrer as informações facilmente acessíveis nas principais carteiras por aí. Enquanto estas carteiras do top 10 não têm nomes anexados a elas, algumas são fáceis de entender.

Os gêmeos Winklevoss fizeram história no início de dezembro, tornando-se os primeiros bilionários do Bitcoin amplamente reconhecidos. Foi estimado naquele momento que os gêmeos detivessem 91.666, o que equivalia a US $ 1,063 bilhão.
No entanto, esses gêmeos de alto perfil são um dos poucos que estão solidamente no centro das atenções e é fácil especular sobre suas riquezas. Acredita-se que possa haver mais bilionários de Bitcoin por aí, espreitando nas sombras.

Fundos distribuídos em um livro-razão distribuído

Se fosse a regra manter todos nossos fundos em uma carteira, seria fácil reunir uma lista de ricos e especular de onde eles são. No entanto, não só o anonimato de Bitcoin, mas suas práticas de armazenamento de moedas, também tornam as coisas mais difíceis.

O procedimento normal, especialmente para aqueles cujos fundos estão mais perto de bilhões do que centenas como da maioria dos meros mortais, é dividir a riqueza em uma série de carteiras e outros métodos de armazenamento.
É uma lição para qual todos deveriam estar atentos quando se trata de manter a própria fortuna no velho oeste que é são as casas de câmbio de Bitcoin.

Talvez até 200 bilionários

Um representante do BitInfoCharts, que preferiu permanecer anônimo por razões de segurança, disse ao MSN em um e-mail que, dada a atual capitalização de mercado global do Bitcoin e que a maioria das pessoas detém Bitcoin em vários endereços, pode haver até 200 bilionários Bitcoin e possivelmente não menos que 35.
O representante observou que é provável que a maioria desses endereços sejam de propriedade de casas de câmbio ou fundos de cobertura.
Bilionários poderiam continuar sendo feitos sem que muito trabalho precisasse ser feito por alguns dos mais de 100 endereços que já possuem mais de US $ 100 milhões em Bitcoin atualmente. O crescimento do Bitcoin transformou muitas pessoas em milionários e está fazendo o mesmo com aquelas pessoas que estão dando o passo para serem bilionários.

É melhor se manter fora da vista?

Se houver tantos bilionários por aí, faturando alto de algum investimento experiente ou de negociação inteligente, talvez, por que eles estão tão escondidos e secretos?
O rei do segredo e do anonimato é, claro, o criador do Bitcoins, Satoshi Nakamoto, que se estima ter um milhão de Bitcoins no bolso.
Muito tem se especulado sobre a razão de Nakamoto permanecer escondido e aparentemente fora de toda e qualquer atividade de Bitcoin, mas também há especulações sobre a fortuna que pode rivalizar com a de alguns dos homens mais ricos do mundo.

O lobos do circulo regulatório

Claro, uma das maiores razões para permanecer escondido quando você tem com dinheiro suficiente para comprar uma ilha são as implicações fiscais e regulamentares que poderiam entrar em jogo se você de repente dar a cara à bater.
Os reguladores estão jogando um jogo de tratar o sintoma, não a doença, quando se trata de Bitcoin, à medida que eles lutam para se acompanhar toda a movimentação. Isso fez com que as agências fiscais ainda cocem cabeça, deixando grandes lacunas para os usuários do bitcoin. No entanto, aqueles com fortunas maciças que são conhecidas publicamente provavelmente seriam os primeiros na linha de tiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *